Orquestra Clássica de Espinho
Rossen Gergov, direcção musical
Mário Alves, narrador
Ensemble de Jazz

Julho

Dom2Jul11:30Orquestra Clássica de Espinho
Rossen Gergov, direcção musical
Mário Alves, narrador
Ensemble de Jazz
Auditório de Espinho - Academia11:30 Música:Edição 2017,Música

Preço:

3 euros

Idade:

m/6

Duração:

50 minutos

Detalhes

Estórias em jazz

O jazz tem sido presença assídua no Festival Internacional de Música de Espinho. Contudo, é a primeira vez que um concerto para famílias é dedicado a esse género. Com ele, pretende-se que as pessoas desenvolvam um maior conhecimento do género, num ambiente informal e de boa disposição. Como aprendemos muito através de histórias, a obra central deste concerto é a história do percurso de um jovem pela música, que junta um quinteto de jazz a uma orquestra sinfónica. A obra chama-se Uma viagem pelo jazz e foi composta por Gunther Schuller em 1962. Schuller foi um importante compositor, arranjador e trompista, que ligou a música clássica ao jazz. O argumento da peça foi escrito pelo grande conhecedor e crítico musical Nat Hentoff. Assim, a escrita, a pedagogia e a música encontram-se no cruzamento de uma avenida nova-iorquina com uma perpendicular espinhense, que se espera cheio de swing e improvisação.

Este concerto conta ainda com a estreia absoluta de uma obra encomendada pelo Festival, da autoria de Jorge Prendas (música) e Mário João Alves (texto). A peça acompanha um diálogo entre um quinteto de jazz e alguém que pensa não gostar de jazz, destacando-se o quinteto a expor os seus melhores argumentos para demonstrar que, afinal, o melhor é mesmo provar… Será que consegue?

Programa

Jorge Prendas (música)/Mário Alves (texto)
Quem fanou os tempos fortes?

Gunther Schuller (música)/Nat Hentoff (texto)
Journey Into Jazz

 

perenyi_artigocoro_gulbenkian